Minha foto

Poeta nascido no Rio de Janeiro. Considerado um dos poetas brasileiros mais representativos da década de 2000 na antologia Roteiro da Poesia Brasileira (Global, 2009), é autor de vários livros publicados gratuitamente em seu blog, cujos melhores poemas foram reunidos em Corte (Ibis Libris, 2004) e rio raso (Patuá, 2014). Mantém o bem sucedido site “A Magia da Poesia”, que teve mais de um milhão de acessos em 2012, onde divulga a obra de grandes poetas. Seus poemas já foram selecionados para livros escolares, traduzidos para o russo e publicados em diversas revistas literárias.  (saiba +)

18/08/2016

pra não dizer que não falei do vazio

agosto lentamente se desmonta

surfo em amores líquidos
sem medo de começos ou de não começos
sem grandes escolhas

apenas atento

sinto a superação olímpica de minha timidez
e a depressão pós-pódio
(vitória? derrota? whatever)

eu já sei o caminho
eu cansei do meu mundinho escolhido
encolhido
previsível

mas não voo
não sigo sozinho
o caminho que já sei
o caminho que já sou

cabe dizer porém
que vagarosamente o espaço ganha espaço

lentamente desço dos conceitos

e as ondas grandes desaparecem num mar maior

venta

a palavra atenta
sente a enorme liberdade
da folha que a sustenta

3 comentários:

  1. 5 dias sem fazer um poema. Zeus.

    ResponderExcluir
  2. Cara...
    sem palavras para expressar meu prazer em ler
    a tua poesia.
    Consciência. Muito bom te ler.

    Vc estava em minhas lembranças do facebook, enviado pela amiga poeta Sonia C. Prazeres.

    Estou colando o teu link lá para todos te lerem.
    Parabéns pela alma ...

    ResponderExcluir