17/11/2017

o sonho

a degenerescência se espalha
como o nada da história sem fim

telas nos ocupam os olhos

nos distraímos com passatempos
aí o tempo passa
e morremos

distrações nos distraem das distrações
distrações viram hábitos e vícios normais:
interrompemos o livro para o facebook
interrompemos o facebook para o filme
interrompemos o filme para o tinder

nada basta
nada satisfaz
e cultivamos cansaço

sabemos ser mais
mas os campos de cansaço se ampliam
desertificando o silêncio

Nenhum comentário:

Postar um comentário